domingo, maio 16, 2010

Dos livros que comecei a ler e nunca terminei..

  • Leite Derramado - Amo o Chico, mas não rolou. É estranho, pois me lembrou Memórias de Minhas Putas Tristes, que por acaso, eu adoro.
  • Peixe Grande - Nem o livro, nem o filme (dormi no meio).
  • O mundo de Sofia - As cartas eram entediantes demais pros meus 16 anos.
  • A Insustentável Leveza do Ser - Li somente as primeiras páginas, o livro tava me fazendo lembrar de umas coisas que eu não queria. Não foi um bom momento.
  • O Processo - Estava gostando, mas tive que devolver na biblioteca, nunca mais peguei.
Óbvio que podem voltar a qualquer momento para minha listinha.

5 comentários:

Mari Nobre disse...

tb nunca consegui terminar de ler "A Insustentável leveza do ser"... mto deprê... o Mundo de Sofia eu li por questão de honra e adorei o final, mas a parte das cartas dos filósofos realmente era massacrante, esse msm autor escreveu "O Dia do Coringa" que é bem mais legal de ler! :)

beijos, Tath!

Lid disse...

Desses aí já tentei ler o mundo de sofia e a insustentável leveza do ser... Ficava com sono a cada linha que passava. X_X Que nem senhor dos anéis (livro) não tenho o menor saco. hahah

£µx disse...

"A Insustentável Leveza do Ser" deve ser o melhor livro que já li. Comprei por acaso no aeroporto antes de embarcar pra Recife e terminei de ler durante a semana de viagem, me fez companhia no hotel =)

"Já o mundo de Sofia" foi uma delícia que uma grande amiga me mandou qdo eu tava morando no Japão. Amo Jostein, tenho vários livros dele, li até "O Livro das Religiões", que ele organiza.

danniela disse...

O Mundo de Sofia merece uma nova tentativa. As cartas não serão mais entediantes garanto ;)

Agora "O Processo"... esse me fazia pegar no sono no trem...

danniela disse...

O Mundo de Sofia merece uma nova tentativa. As cartas não serão mais entediantes garanto ;)

Agora "O Processo"... esse me fazia pegar no sono no trem...